O que é Onicocriptose - Saiba mais -

O que é Onicocriptose?

São muitas as causas dessa patologia, a Onicocriptose, que acomete várias pessoas e que encontram dificuldades em sanar esse problema.

A origem da Onicocriptose pode ter causa hereditária ou adquirida. Se a causa for hereditária, podemos mudar o formato da curvatura das lâminas ungueais (unhas), com a aplicação de onicoórteses diminuindo, consideravelmente, o desconforto que elas causam, tanto pela curvatura, como pela formação de pele (onicofose) no sulco ungueal. Lâminas com micose (onicomicose) também podem agravar essa patologia por tornarem-nas mais espessas diminuindo assim, seu espaço do leito ungueal.

Já a unha encravada (Onicocriptose) adquirida, tem origem no corte incorreto, em algum trauma, no excesso de pele (onicofose), empurrado sob as lâminas no sulco ungueal ou no uso de calçados inadequados, mas principalmente, devido a patologias que envolvem a biomecânica. A Onicocriptose pode ser unilateral, quando ocorre em apenas um lado (região lateral ou medial) do dedo ou bilateral (Foto 1), quando ocorre nos dois lados (regiões medial e lateral) da lâmina ungueal.

1. Onicocriptose Grau I: Quando não há inflamação (Foto 2), o cliente se queixa apenas da dor durante o exame podológico.

2. Onicocriptose Grau II: Quando há dor e inflamação (Foto 3).

3- Onicocriptose Grau III: Quando há dor, infecção (presença de pus), granuloma e hipertrofia da prega ungueal lesionada (Foto 4).

Onicocriptose Grau IV: Granuloma Piogênico e intumescimento dos tecidos. Alguns casos tem a chance de desenvolver um câncer (granuloma de Morton). O podólogo deverá encaminhá-lo ao cirurgião.

Vamos agora entender melhor como acontece a Onicocriptose com a presença do granuloma piogênico com a sequência a seguir.

Quando ocorre o corte incorreto pode permanecer no sulco ungueal, uma ponta de Lâmina (espícula). Essa ponta, com o crescimento ungueal entra na pele causando uma fissura, dando origem ao processo inflamatório e infeccioso, pois, com o ferimento, foi aberta a porta para a entrada de microrganismos, incluindo as bactérias.

Instalada a infecção, com a demora nos cuidados necessários, se forma no local em que a espícula se encontra o Granuloma Piogênico (popularmente chamado de “carne esponjosa”)  (Foto1 e 4).

O Granuloma Piogênico é uma bolsa extremamente vascularizada, formada na intenção de proteger a região infectada e se forma sobre a Onicocriptose.

O Granuloma Piogênico só cede quando a espícula é retirada (espículaectomia/Foto5), caso contrário, ele retorna.

É comum, quando a lâmina chega a esse estado a retirada total (matricectomia) ou parcial (cantoplastia) da mesma, com a cauterização da matriz ou do canto retirado, o que é um grande erro. Esses são recursos que devem ser utilizados somente em casos muito especiais, pois, sabemos que através da Avaliação Biomecânica, podemos sanar a Onicocriptose.

O Podólogo tem condições de tratar a Onicocriptose com grande sucesso, obtendo resultados positivos e concretos no tratamento dessa patologia ungueal que chamamos de Onicocriptose, em qualquer grau que se apresente, salvo quando há presença de fibroma.

O que é reflexologia com cromo e aromaterapia?

Em nosso curso de reflexologia, aprenderemos a utilizar os pontos reflexos dos pés, promovendo melhor circulação nos órgãos, buscando harmonizar o funcionamento dos mesmos e assim, proporcionando bem-estar.

Entre em contato!

Cel. Vivo – (11) 99590-0857